Como Agrupar Pedidos e emitir uma Nota Fiscal no Sistema ERP

Você sabe quando você tem 2 ou mais pedidos de uma mesma pessoa (seja ela física ou jurídica) e quer gerar uma única NF-e ou NFS-e? Pois então, nesse artigo a gente ensina todos os passos para fazer esse agrupamento, sem erros, sem burocracia e ganhando mais praticidade no controle de vendas e na gestão fiscal!
Para começar, acesse o menu lateral Vendas, submenu Agrupamento de Pedidos.
Nesse momento, se abrirá uma tela de agrupamento de pedidos, onde você deverá clicar em Novo e pesquisar pelo código de cada pedido que deseja agrupar. Feito isso, clique em Adicionar. Repita o processo até adicionar todos os pedidos que deseja agrupar.
 
Uma vez que eles estejam agrupados, você verá a seguinte lista:
Note que existem 4 outras abas, onde será possível visualizar outras informações dos pedidos anexados, são elas: Produtos/Serviços, Equipamentos, Laudos e Veículos .
Clique em Salvar e já será exibido o código do agrupamento, o nome da empresa e do cliente.
Clicando em voltar, você retornará à listagem de agrupamentos. Marque a caixa de seleção ao lado do agrupamento gerado e será possível: Emitir a NF-e, Emitir NFS-e, Imprimir o agrupamento, Editá-lo, Excluí-lo ou Cancelar a Seleção.
Para emitir uma nota, basta selecionar o tipo de documento fiscal desejado e seguir os passos de preenchimento, conforme explicaremos mais adiante.
Existe outro caminho para realizar essa opção?
Outro caminho possível é através do menu Vendas , submenu Pedidos e Orçamentos.
Atenção! Os pedidos já precisam estar com o status Pedido Faturado. Para agrupar esses pedidos, eles precisam ser da mesma pessoa e a venda precisa ser proveniente da mesma empresa (considerando casos em que você tenha mais de uma empresa cadastrada no sistema). Por exemplo, você não pode agrupar uma venda da Loja A e uma da Loja B, mesmo que o cliente seja o mesmo.
Selecione os pedidos desejados, clicando na caixa de seleção à esquerda. Nesse momento, surgirá um modal com algumas opções. Então, selecione o tipo de nota que deseja emitir.
Marcando a opção NF-e, você será direcionado para a tela de edição da Nova NFe .
 
Alguns dados tanto do cliente como dos produtos, já serão carregados automaticamente. Inclua as informações faltantes ou faça algum ajuste necessário. Vale destacar que os dados do remetente (aquele que emite uma nota, ou seja a sua empresa, são de preenchimento obrigatório). Com todos os dados inseridos corretamente, clique em Pré-visualizar.
 
Assim, você poderá consultar a nota e se tudo estiver correto, basta clicar em Emitir NF-e (ou Voltar à Edição para corrigir).
Marcando a opção NF-e, você será direcionado para a tela de edição da Nova NFe .
 
Alguns dados tanto do cliente como dos produtos, já serão carregados automaticamente. Inclua as informações faltantes ou faça algum ajuste necessário. Vale destacar que os dados do remetente (aquele que emite uma nota, ou seja a sua empresa, são de preenchimento obrigatório). Com todos os dados inseridos corretamente, clique em Pré-visualizar.
 
Assim, você poderá consultar a nota e se tudo estiver correto, basta clicar em Emitir NF-e (ou Voltar à Edição para corrigir).
 
É importante ressaltar que esse processo não funciona para gerar transferência financeira . É exclusivamente uma facilidade para emitir uma nota fiscal !
Nesse sentido, ao tratar da emissão de uma nota fiscal, há outro ponto super importante que precisa ser distribuído: você não poderá agrupar pedidos que tenham categorias de venda diferentes . Por exemplo: não dá para juntar um pedido com venda de materiais e serviços e outro com brindes .
 
Agora é com você, aproveite ao máximo as oportunidades do Sistema ERP! Esperamos que este artigo tenha esclarecido suas dúvidas e que te ajude a aproveitar ainda mais as funcionalidades disponíveis. Restou alguma dúvida? Entre em contato com seu fornecedor para maiores informações!
 
 
É importante ressaltar que esse processo não funciona para gerar transferência financeira . É exclusivamente uma facilidade para emitir uma nota fiscal !
Nesse sentido, ao tratar da emissão de uma nota fiscal, há outro ponto super importante que precisa ser distribuído: você não poderá agrupar pedidos que tenham categorias de venda diferentes . Por exemplo: não dá para juntar um pedido com venda de materiais e serviços e outro com brindes .
 
Agora é com você, aproveite ao máximo as oportunidades do Sistema ERP! Esperamos que este artigo tenha esclarecido suas dúvidas e que te ajude a aproveitar ainda mais as funcionalidades disponíveis. Restou alguma dúvida? Entre em contato com seu fornecedor para maiores informações!